Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mulheres ao volante ou protesto constante

por A Outra Metade do Mundo, em 29.10.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:18

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:04

DocLisboa'13: uma selecção

por A Outra Metade do Mundo, em 27.10.13



3 Horas para amar 

Patrícia Nogueira | 54' / Portugal / 2012

 

Duas reclusas recebem Visitas Íntimas, uma pediu cancelamento e outra admissão ao programa. Quatro histórias que se cruzam no interior do Estabelecimento Prisional Especial de Santa Cruz do Bispo.

A realizadora irá estar presente na sessão de 28 de Outubro.

28 OUT. 16:45 - São Jorge - Sala 3

 

Cheveux Rouges et Café Noir / Red Hair and Black Coffee

Milena Bochet | 56' / Bélgica / 2012

 

Hermanovce, Eslováquia. Uma aldeia cigana, no fundo do vale, com barracões velhos e outros mais novos de betão. O espírito de Vozarania, a antepassada que ainda transmite coisas de mãe para filha, anda por ali. Quatro mulheres falam-nos da sua vida quotidiana com palavras que roçam as fronteiras de mundos diferentes. Histórias sobre cabelo ruivo e café preto.

A realizadora irá estar presente na sessão de 28 de Outubro.

28 OUT. 19:15 - City Alvalade - Sala 1 - 02 NOV. 19:30 - City Alvalade - Sala 1

 

Pokazatelnyy Protsess: Istoriya Pussy Riot / Pussy Riot: A Punk Prayer

Mike Lerner, Maxim Pozdorovkin | 86' / Reino Unido, Rússia / 2013

 

O filme será antecedido pelo video clip Free Pussy Riot! #freepussyriot

Três jovens mulheres encaram sete anos de prisão, na Rússia, por uma performance satírica, numa catedral de Moscovo. Enquanto Nadia, Masha e Katia defendem as suas convicções, numa jaula, dentro do tribunal, os membros das Pussy Riot ainda em liberdade planeiam novas performances de guerrilha.

29 OUT. 16:30 - São Jorge - Sala Manoel de Oliveira

 

Noces Rouges / Red Wedding

Guillaume Suon | 58' / Camboja / 2012

 

Entre 1975 e 1979, pelo menos 250.000 mulheres foram forçadas a casar pelos Khmer Vermelhos. Aos 16 anos, Sochan Pen tentou resistir mas os Khmer Vermelhos ordenaram ao marido que a violasse. Desde então, vive com a vergonha, sem se confidenciar. Agora, decidiu confrontar essa memória, tentando compreender o que lhe aconteceu e às mulheres do seu país.

30 OUT. 16:30- São Jorge - Sala Manoel de Oliveira

 

Une Feuille dans le Vent / Leaf in the Wind

Jean-Marie Teno | 55' / França, Camarões, Gabão / 2013

 

Ernest Ouandie, herói da luta de independência dos Camarões, foi executado pelas autoridades camaronesas, em 1971, deixando uma filha que nunca conheceu - Ernestine. Em 2004, ela confidenciou-me a sua trágica história de vida para a câmara. Seis anos mais tarde, soube que Ernestine se suicidou. Esta notícia trágica levou-me de volta às gravações de 2004.

31 OUT. 22:00- City Alvalade - Sala 1

 

The Stone Roses: Made of Stone

Shane Meadows | 97' / Reino Unido / 2013

 

Fazendo uso de material inédito de toda a história dos The Stone Roses, das experiências pessoais de muitos dos que a banda e a sua música tocaram e de acesso ímpar aos concertos recordistas e esgotados que tiveram lugar no verão de 2012, este é o registo decisivo da banda decisiva dos últimos 25 anos.

31 OUT. 23:00- LuxFrágil 

 

CINEMA DE URGÊNCIA

Por todo o mundo, modos de agir que travam a liberdade individual e a identidade são encorajados social e, quantas vezes, politicamente. A mutilação genital feminina ainda é tradição em demasiadas comunidades. 

 

Bref

Christina Pitouli

2013 / Espanha / 30'

(entre outras curtas) - 01 NOV. 21:30- São Jorge - Sala 3

 

A Mãe e o Mar / The Mother and the Sea
Gonçalo Tocha | 97' / Portugal / 2013

Na senda de um mito real e perdido em Vila Chã, procuramos as mulheres do mar chamadas "pescadeiras", num dos poucos lugares do mundo com mulheres arrais (chefes de embarcação). Mas onde estão elas e os 120 barcos de pesca artesanal? Sobram 8 barcos e uma única mulher pescadeira. Em terra de brava gente do mar, filmámos a paixão do mar, a paixão da pesca.

O realizador irá estar presente nas sessões de 1 e 2 de Novembro.

01 NOV. 18:45 - São Jorge - Sala Manoel de Oliveira | 02 NOV. 16:45 - City Alvalade - Sala 1

 

Family Albums / Álbuns de Família

 

MOVING STILLS - FOTOGRAFIA, FOTÓGRAFOS E DOCUMENTÁRIO

Dando-me o passado absoluto da pose (aoristo), a fotografia diz-me a morte no futuro. O que me fere é a descoberta desta equivalência. Diante da fotografia da minha mãe quando era criança, digo para mim mesmo: ela vai morrer. Estremeço perante uma catástrofe que já aconteceu. Quer o sujeito tenha ou não morrido, toda a fotografia é esta catástrofe. Roland Barthes

03 NOV. 16:00- Culturgest - Pq. Auditório

 

The Great North Korean Picture Show

James Leong, Lynn Lee | 93' / Singapura / 2012

 

A indústria cinematográfica norte-coreana é uma ferramenta crucial na maquinaria de propaganda do regime. Pela primeira vez, realizadores estrangeiros puderam entrar na única escola de cinema do país - uma instituição de elite, onde jovens talentos são treinados para criar obras, não apenas para entreter, mas para ajudar a moldar a psique de uma nação inteira.

03 NOV. 17:00- São Jorge - Sala Manoel de Oliveira

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:58

Antárctida

por A Outra Metade do Mundo, em 27.10.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:00

Mulheres sauditas lutam pelo direito a poderem conduzir

por A Outra Metade do Mundo, em 26.10.13
 

Usando as redes sociais, várias activistas sauditas agendaram, para hoje, um protesto convidando todas as mulheres sauditas a conduzir.
Muitas destas mulheres têm carta de condução obtida noutros países, mas quando se dirigem às escolas de condução locais não conseguem inscrever-se para fazer o exame que lhes permitiria conduzir, de forma legal, no seu país.
A Arábia Saudita é o único país do mundo onde as mulheres não podem conduzir.

 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:30

No jardim das rosas em Chandigarh

por A Outra Metade do Mundo, em 07.10.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:40

Mulher(es) do nosso País: Maria Lamas (6/10/1893 - 6/12/1983)

por A Outra Metade do Mundo, em 06.10.13

São múltiplas as iniciativas que celebram a vida e obra de Maria Lamas:

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:45

Pensando em Le Corbusier regressei a Chandigarh

por A Outra Metade do Mundo, em 06.10.13

"This symbol of the Open Hand, open to receive the wealth created, to distribute to the peoples of the world, must be the symbol of our age. Before I find myself one day (a little later on) in the celestial spheres amid the stars of God Almighty. I shall be happy to see at Chandigarh, in front of the Himalayas, which rise up straight upon the horizon, this Open Hand, which marks for père Corbu a deed, a certain distance covered, from you, André Malraux, from you, my associates, from you, my friends. I ask help in realizing this symbol of the Open Hand in the skies of Chandigarh, a city desired by Nehru. Gandhi's disciple."  Le Corbusier 

 

 

Quando será afinal o Dia Mundial da Arquitectura? Talvez já tenha sido no dia 1 de Julho. Há quem diga que será amanhã, primeira segunda-feira de Outubro, mas também existe a possibilidade de ser terça-feira, dia 8 de Outubro. Eu já decidi . É hoje. Pois foi num dia como este que nasceu, em La Chaux-de-Fonds na Suiça Le Corbusier (6/10/1887 - 27/8/65).


Se não fosse por Le Corbusier, nunca teria visitado a cidade indiana de Chandigarh. 

Chandigarh é uma lufada de ar fresco quando viajamos pela Índia. No sopé dos Himalaias, com ruas amplas e organizadas por sectores, inúmeros espaços verdes, a capital dos estados do Punjab e de Haryana foi projectada de raiz, tendo vários edifícios da autoria de Le Corbusier: 
Os companheiros de visita frente à porta da assembleia. A porta também é de Le Corbusier 
Assembleia 
 Detalhe da Assembleia 
A maior escultura Open Hand de Le Corbusier tem 26 metros e encontra-se em Chandigarh.  Esta "mão aberta", que se move ao sabor do vento, é um motivo recorrente na arquitectura de Le Corbusier representantando a paz e a reconciliação. Uma "mão aberta" para receber e dar.  
Tower of the shadows e a escultura Open Hand 
 A Assembeleia vista do topo do Secretariat 

Secretariat


Todas as fotografias tiradas por mim a 1 de Novembro de 2005

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:30

Viva a República

por A Outra Metade do Mundo, em 05.10.13

" Uma heroina . Amelia Santos. De carabina na mão, combateu na rotunda, ao lado dos soldados

(...)

-Já era republicana há muito tempo?

- Ora essa! Eu fui sempre republicana. Nunca o disse a ninguém, porque, compreende... há quem ache ridículo que as mulheres tenham ideias avançadas...

- E como se resolveu a tomar parte na revolta?

- Da maneira mais simples. Compreendi que era esse o meu dever. Então era justo deixar que os homens se estivessem a bater e a morrer pela causa de todos, enquanto nós nos encondíamos, medrosamente em casa? Para empunhar uma arma, tanto serve um homem como uma mulher. É certo que eu não sabia manejá-la; mas também lá estavam homens nas mesmas condições e que depressa aprendiam. Assim fiz eu. (...)"

 

Amélia Santos, a heroína da Rotunda, ao Jornal A Capital, 14 de Outubro de 1910:

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40

O que pode a música ?

por A Outra Metade do Mundo, em 01.10.13

 U2 360º Tour, 29 de Junho de 2009 - Nou Camp, Barcelona


Mudar o mundo? It's my body de Vilma Vieira

 

Transportar-nos para outro planeta? Mongolian throat singing

 

Emocionar-nos? Gracias a la vida por Mercedes Sosa

 

Inspirar-nos para as nossas lutas e causas? One Woman

 

Lembrar-nos que não existe amor como o primeiro? Sunday Bloody Sunday dos U2

 

Ou tudo isto e muito mais?

 

Feliz Dia Mundial da Música 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:30


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D



Passaram por aqui: