Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O primeiro jogo de futebol de Malala aconteceu no Quénia

por A Outra Metade do Mundo, em 14.07.14

Fonte: Malala Fund

 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:42














Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:30

Malala Day | Malala faz 17 anos

por A Outra Metade do Mundo, em 12.07.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:00

 

 

Usando um chador que pertenceu a Benazir Bhutto, primeira-ministra paquistanesa assassinada em 2007, Malala falou de terrorismo, de pobreza e pediu educação universal para todas as crianças do mundo.

 

Recém-chegada de uma missão humanitária, Flight of Hope 2013, que distribuiu 2,3 toneladas de material escolar e desportivo por crianças africanas, foi com emoção e alegria que escutei as palavras de Malala. Registei estas frases de Malala, no meu livro de citações:

 

"'Malala Day' is not my day. Today is the day of every woman, every boy and every girl who have raised their voice for their rights."

 

"One child, one teacher, one book and one pen can change the world. Education is the only solution. Education first."

 

"We realized the importance of pens and books when we saw the guns. The extremists are afraid of books and pens."

 

"[Extremists] are afraid of women, change and equality."

 

"We realize the importance of our voice when we are silenced."

 

“We cannot all succeed when half of us are held back."

 

"There was a time when women social activists asked men to stand up for their rights, but this time we will do it by ourselves."

 

Assiste ao discurso completo de Malala, em inglês, aqui.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:52

 

"I dreamed of a country where education would prevail" Malala Yousafzai

 

Parabéns Malala Yousafzai.


Esta tarde Malala Yousafzai, estudante paquistanesa e activista pelo direito universal à educação, fala à Assembleia-geral das Nações Unidas e pedirá educação universal para todas as crianças do mundo.

 

No passado mês de Outubro, quando Malala regressava da escola, dois homens armados atingiram-na na cabeça e num ombro. Tinha terminado o prazo dado pelos talibã. A partir daquele dia mais nenhuma menina poderia ir à escola. Apesar do medo, Malala, que já era conhecida pela sua luta pelo direito das meninas e mulheres à educação, foi.


A jovem activista paquistanesa, que hoje completa 16 anos, é considerada um símbolo da resistência contra os talibã do Paquistão e é a mais jovem nomeada para o prémio Nobel da Paz.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:31


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D